Still: Cidade Suspensa

vídeo-performance

 

Um olhar poético sobre o movimento urbano com base na projecção de uma curta-metragem vídeo – cuja banda sonora original é interpretada ao vivo por músicos e actores – dividida em 4 andamentos: o tempo das águas, o tempo dos olhares, o tempo das máquinas e o tempo do silêncio.

Para além da componente visual, que explora o conceito de ”cidade” enquanto modelo orgânico mutável, o espectáculo aposta ainda na experimentação sonora, através da fusão de música electrónica improvisada, percussão, sampling, voz, palavra e bruitage.

‘Um retrato emocionante sobre as pulsões da Cidade enquanto espaço de intersecção de diferentes linguagens’
Ana Matoso, Lazer Oninet

 


Reportagem Sociedade das Belas Artes, SIC – 2001

 

ver fotos

 


Alverca
Auditório SFRA, 27 Mar 2004
Vila Franca de Xira
Club Vilafranquense, 26 Mar 2004
Hotel Lezíria Parque, 4 Jul 2002
Cinema Imax, 11 a 22 Dez 2001


 

FICHA TÉCNICA

direcção geral Alexandre Lyra Leite
ideia original Rita Rodrigues Pereira
música original Ok.suitcase, Ângelo Vieira
participação especial Afonso de Melo
intérpretes Catarina Trota, Elsa Paulo, Filipa Lucas, Inês Lucas, Rita Rodrigues Pereira, Sara Antunes, Sara Vargas, Susana Reis, Susy Ferreira
músicos Ok.suitcase, Ângelo Vieira, Bruno Lopes Raimundo, Hugo Paulino, Luís Fernandes, Paulo Borges, Pedro Baião, Rui Soares Costa, Vasco Reis
vídeo Alexandre Lyra Leite, Rui Soares Costa
consultores artísticos Cristina Milhano, Jorge L. Santos, Paulo Borges, Rita Rodrigues Pereira
técnicos Vasco Soares (luz), Ângelo Vieira (som)
design gráfico Paulo Borges
produção executiva Dora Nobre, Liliana Peixoto, Miguel de Matos
produção Inestética companhia teatral

projecto financiado por
Câmara Municipal de Vila Franca de Xira
apoios
Junta de Freguesia de Vila F. Xira
Grupo Obriverca
Tipografia Soartes
Arte Franca
Ideia Clara
Estúdios Queiroz
Clube Vila franquense
Vida Ribatejana
Vilafranca Centro

M/12 | 35′

 

topo