A estupidez é viral. Está em toda a parte. Na casa do vizinho, no Facebook, no escritório, no noticiário da noite, na reunião do G20, no restaurante gourmet, no pós-moderno, no novo acordo ortográfico, no parlamento, no médio oriente e no grande ocidente. 

É uma força oculta, uma pandemia que se propaga na vertigem dos nossos tempos. A estupidez é simplesmente estúpida mas não necessariamente ignorante.

Esta comédia de variedades é sobre aquilo que nos faz alergia, sobre aquilo que, por mais que tentemos, não conseguimos entender. O que não implica que não possa ser também ligeiramente estúpida.
É uma questão de arriscar.


CoisasEstupidas02a1

 

Concepção e Direcção Artística 
ALEXANDRE LYRA LEITE
RITA LEITE

Encenação
ALEXANDRE LYRA LEITE

Interpretação e co-criação
ANA VILELA DA COSTA
ERICA RODRIGUES
JOANA PAIS DE BRITO
JOÃO LUZ
LINDA VALADAS

Vídeo
ALEXANDRE LYRA LEITE
RITA LEITE

Assistência técnica
FERNANDO TAVARES

Agradecimentos
YARA CLÉO

Produção
INESTÉTICA COMPANHIA TEATRAL

Estrutura financiada pela 
CÂMARA MUNICIPAL DE VILA F. XIRA

Apoios
ARTE FRANCA
IMARTE




 

COISAS ESTÚPIDAS PARA GENTE INTELIGENTE


IV FESTIVAL DE TEATRO DO GRÉMIO
ESPAÇO CULTURAL FERNANDO AUGUSTO
PÓVOA DE SANTA IRIA

23 JANEIRO 2016
 

PALÁCIO DO SOBRALINHO
SOBRALINHO, VILA F. XIRA
26 A 29 MARÇO 2015
15 A 25 OUTUBRO 2015


M/12

FOTOS
COMPANHIA
PROJECTOS
FOTOS
LOJA
NEWSLETTER
Coisas Estúpidas
PALÁCIO

© 1914 Harry Whittier Frees

FOTOSPALÁCIO